Probióticos para intestinos preguiçosos: o papel dos probióticos no controlo da obstipação - Microbiota Care
Telefone

+337-751-7890

Correio eletrónico

[email protected]

Horário de funcionamento

Seg - Sex: 7AM - 7PM

Introdução

A obstipação é um problema comum que afecta muitas pessoas em todo o mundo. Caracterizada pela dificuldade em evacuar e pela redução da frequência dos movimentos intestinais, pode causar desconforto e perturbar a qualidade de vida. Com o aumento da prevalência deste distúrbio digestivo, cada vez mais pessoas estão a recorrer a soluções naturais, como os probióticos, para aliviar os seus sintomas.

Parte 1: Compreender a obstipação

A obstipação é definida como uma dificuldade em defecar, frequentemente associada a um número reduzido de evacuações e a uma sensação de desconforto abdominal. As causas mais comuns incluem uma dieta pobre em fibras, hidratação insuficiente, falta de exercício físico e stress. Um fator-chave na regulação do trânsito intestinal é o equilíbrio do microbiota intestinal, constituído por milhares de milhões de microrganismos que vivem no nosso aparelho digestivo.

A importância de um microbiota equilibrado

O microbiota intestinal desempenha um papel essencial na saúde digestiva geral. Ajuda a decompor os alimentos, a absorver os nutrientes essenciais e a manter a integridade da barreira intestinal. Um desequilíbrio no microbiota pode levar a uma variedade de problemas gastrointestinais, incluindo obstipação.

Ver também:  Probióticos para a flora íntima: o segredo de uma flora vaginal equilibrada
Causa Descrição
Dieta pobre em fibras As fibras são essenciais para manter um bom trânsito intestinal. Uma dieta pobre em fibras pode levar à obstipação.
Hidratação insuficiente Um consumo insuficiente de água e de líquidos pode levar à desidratação das fezes, dificultando a sua passagem.
Falta de exercício físico A atividade física ajuda a estimular o movimento dos músculos intestinais e favorece a evacuação das fezes.
Stress O stress pode perturbar as funções gastrointestinais, nomeadamente ao afetar a motilidade intestinal e ao contribuir para a obstipação.
Desequilíbrio do microbiota intestinal Um desequilíbrio nas bactérias presentes no nosso trato digestivo pode alterar o funcionamento normal do nosso sistema digestivo e levar à obstipação.

Parte 2: Como os probióticos podem ajudar

Os probióticos são microrganismos benéficos que podem ajudar a restabelecer um equilíbrio saudável no microbiota intestinal. Ao promoverem o crescimento de bactérias boas e inibirem o crescimento de bactérias más, podem melhorar o trânsito intestinal e aliviar a obstipação.

Estirpes eficazes e modo de ação

Certas estirpes de probióticos demonstraram ser eficazes no tratamento da obstipação, regulando o trânsito intestinal. Por exemplo, o Lactobacillus casei Shirota e o Bifidobacterium lactis BB-12 são conhecidos pela sua capacidade de estimular a atividade intestinal e aumentar o volume das fezes. Actuam reforçando a barreira intestinal, reduzindo a inflamação e promovendo uma melhor motilidade intestinal.

Ver também:  Probióticos para o HPV: Descobertas recentes sobre a infeção vaginal pelo papilomavírus humano
Estirpe probiótica Modo de ação
Lactobacillus casei Shirota Estimula a atividade intestinal, aumenta o volume das fezes, reforça a barreira intestinal e reduz a inflamação.</td
Bifidobacterium lactis BB-12 Favorece uma melhor motilidade intestinal, estimula os movimentos peristálticos (contracções musculares) nos intestinos.

Parte 3: Conselhos práticos para a integração dos probióticos

Para otimizar os benefícios dos probióticos no seu sistema digestivo e prevenir ou aliviar a obstipação, é aconselhável introduzir alimentos ricos em probióticos na sua dieta diária. Opções como iogurte simples fermentado, kefir ou chucrute podem ser benéficas.

Alimentação Descrição
Iogurte simples fermentado O iogurte simples sem açúcar contém probióticos vivos que podem ajudar a restaurar o equilíbrio da microbiota intestinal.
Kefir O kefir é uma bebida de leite fermentado rica em probióticos, semelhante ao iogurte mas mais líquida. Pode ser consumido tal e qual ou adicionado a batidos e outras receitas.
Chucrute O chucrute é um alimento fermentado à base de couve que contém bactérias benéficas do ácido lático;color:#333′>para a saúde intestinal. Pode ser consumido como acompanhamento ou adicionado a saladas e sandes.

Para além de uma alimentação equilibrada, rica em fibras e probióticos, é importante manter-se bem hidratado ao longo do dia, praticar regularmente exercício físico moderado e adotar estratégias de gestão do stress (meditação, relaxamento).

Conclusão

Em conclusão, os probióticos desempenham um papel crucial na gestão eficaz da obstipação, graças à sua capacidade de restabelecer o equilíbrio do microbiota intestinal. Combinando a sua utilização com uma alimentação saudável e um estilo de vida ativo,
pode melhorar significativamente a sua saúde digestiva.
É aconselhável consultar um profissional antes de efetuar quaisquer alterações significativas na sua dieta.

Eloise Dubois-Gaché é uma naturopata especializada em
perturbações digestivas que contribuíram para as recomendações
apresentado acima.

Ver também:  Probióticos para emagrecer: mito ou realidade?

Artigos recomendados

pt_PTPortuguese